• José Tavares

Presidenciais 2021: "Uma pedrada no charco"


Apesar da pandemia da COVID 19 e do confinamento do país, as Eleições Presidenciais 2021 foram uma grande "pedrada no charco" da política e da comunicação social "encartada". Essa pedrada foi dada por André Ventura, Presidente do Partido Chega que, de repente, recebeu o presente do voto de quase 500000 eleitores que, apesar de dos "comícios" de jornalistas e comentadores contra si e contra aquilo que diziam ser as suas ideias, não tiveram medo de votar e ser rotolados de radicais de extrema direita. Não defendo "esquerdas" nem direitas encostadas" para o governo e progresso humano e sócio cultural dos países mas, pelo contrário, acho que, em cada momento, eleitoral se deverão encontrar maiorias transversais democráticas, esclarecidas e consistentes para o exercício do poder da governação e da oposição. Há muito que penso que o que temos não serve e precisa de ser mudado de alto a baixo, com urgência. Oxalá, que esta pedrada possa ser um primeiro passo para sair deste pântano e iniciar com coragem, esperança e determinação o caminho para um maior e melhor bem-estar de todos os portugueses.

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo