• José Tavares

Ideias sem qualquer previsão no tempo

Atualizado: 13 de fev.



A Rússia é europeia e a Europa não poderá afirmar-se na nova ordem mundial sem a Rússia. A Ucrânia não pode ser um elo de desunião e muito menos um obstáculo do grande projeto europeu que está ainda por acontecer. Será Putin o detonador desse projeto? Será essa a ideia que está na sua mente com ameaça eminente da invasão da Ucrânia. E qual o preço a pagar por todos os europeus? Sempre simpatizei com a ideia de uma grande Europa com a integração da Rússia e da Turquia como bloco de contrapeso na política mundial e motor de desenvolvimento do continente africano. Os outros dois grandes blocos seriam a continente americano e a Oceânia, por um lado, e o continente asiático, por outro. A Rússia lideraria o bloco europeu e africano, os Estados Unidos o bloco americano e oceânico e a China o continente asiático e indostânico. Será esta a ideia que está na cabeça de Putin ou a de ser simplesmente o novo Czar da Rússia? Estes, de qualquer modo, não são blocos estanques e muito menos blocos com muros ou cordões sanitários entre eles. Existem laços civilizacionais e culturais muito importantes que os atravessam e que, de modo algum, poderiam ser esquecidos na sua organização e convivência humana entre ideologias, raças e religiões. Tudo isto, porém, é demasiado utópico no mundo em que vivemos e num futuro a médio e, mesmo, a longo prazo. É apenas mais uma ideia que aqui fica sem qualquer previsão no tempo.

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo